Covid-19: investimento inteligente em cloud reduz custos


 

 

 

 

 

 

Covid-19: investimento inteligente em cloud reduz custos

Investimento inteligente em cloud: A pandemia da Covid-19 vem trazendo grandes mudanças na sociedade e na economia global. Empresas e profissionais têm se visto em situações emergenciais com relação à saúde financeira e a redução de custos é inevitável para manter uma organização em pé.

Nesse cenário, alguns pontos de observação são relevantes para quem está no mercado de trabalho – e a tecnologia, especialmente a cloud computing, é um deles.

Em tempos de reclusão e diminuição do ritmo de trabalho, mais do que nunca, recursos tecnológicos avançados m sua relevância para a continuidade das atividades – que, em muitos casos, passam a ser executados em home office – e da economia.

A computação em nuvem, por exemplo, tem se consolidado como um diferencial para os negócios, graças à velocidade de entrega, flexibilidade de cobrança e diminuição do overhead de gestão de serviços e, pensando em um cenário de crise como o que vivemos, esse tipo de ferramenta pode ser muito útil para a redução de custos nas empresas.

Redução de custos organizacionais na crise da Covid-19

O momento é de crise para praticamente todas as áreas de negócios. Tanto profissionais autônomos, quanto grandes empresas estão sentindo o peso do momento conturbado que se instaurou no mundo inteiro por conta da Covid-19. Profissionais tiveram que deixar seus ambientes de trabalho para ficar em isolamento social e isso tem um peso gigantesco em termos financeiros.

Por isso, a preocupação com redução de custos é enorme, seja qual for a sua área de atuação. Nesse sentido, ressaltamos aqui questões relativas a essa retenção de recursos na área de tecnologia, com ênfase em cloud.

Em seu relatório anual, o Gartner prevê um crescimento de 17% em cloud para 2020, quando comparado com o ano anterior, atingindo a soma de U$ 266,4 bilhões em consumo dessa tecnologia, principalmente em virtude da modernização de aplicações e workloads,potencializado com a adoção do trabalho remoto, em função da Covid-19, demanda que os datacenters tradicionais não conseguem suportar.

Tendo em vista esse relevante crescimento do setor, é natural que executivos de TI demonstrem cada vez mais preocupações com a forma em que os recursos financeiros são utilizados e a sua eficácia quando aplicados ao cloud. A velocidade de entrega e flexibilidade de cobrança são fatores críticos para o grande desafio atual: o desperdício de recursos. E para conseguir melhores resultados, é essencial contar apoio de especialistas.

FALAR COM ESPECIALISTAS

Investimentos em Cloud Computing

Segundo o estudo “The State of IT modernization 2020”, a grande maioria das empresas enfrentam dificuldades na gestão de custos, tanto no planejamento, quanto no controle. E, inevitavelmente, nesse momento de crise, essa preocupação aumenta.

Veja alguns insights do estudo:

  • 69% das empresas tiveram custos acima do planejado inicialmente;
  • A média de custos ficou 62% acima do projetado;
  • 31% reconhecem que precisam melhorar a forma com que gerem os custos ou utilizar de forma mais eficiente seus recursos em cloud;
  • 28% entendem que precisam recalibrar a estratégia de cloud para atingir melhores custos.

A americana Right Scale, que trabalha com computação em nuvem, em seu relatório anual, sinaliza que 35% dos custos aportados para cloud não estão sendo utilizados adequadamente e poderiam ser reduzidos.

Esses dados endossam a preocupação das empresas com o correto gerenciamento dos custos. Mesmo assim, somente uma minoria (em torno de 30%), segundo o recente relatório, implementou políticas automatizadas para otimização desses custos.

Já o estudo do IDG, especializada em fornecer dados que ajudem as empresas a investirem de modo inteligente em tecnologia, revela que a grande maioria dos executivos pretendem implementar algum tipo de ação (automatizada ou não) em seus ambientes para que essa redução dos custos aconteça.

Questionados sobre quais medidas de otimização de custo em cloud computing a organização adotará em 2020, os gestores responderam que:

  • Pretendem ativar e desativar cargas de trabalho automaticamente com base na sazonalidade, demanda imprevisível e outros padrões de uso (39%)
  • O melhor caminho é reduzir o desperdício regulando instâncias não utilizadas ou subutilizadas (38%);
  • O ideal é dimensionar os serviços conforme os requisitos de desempenho (38%);
  • Implementar políticas e governança que restrinjam o tipo e o tamanho de serviços em cloud acessados pelos usuários é a opção (37%);
  • Vão aproveitar planos de descontos oferecidos por serviços de cloud (36%);
  • Pensam e reformular e remover a camada de O/S, reduzindo a sobrecarga da administração e suporte ou, simplesmente, reduzir as implementações em nuvem (30%);
  • Podem repatriar cargas de trabalho ou reescrever aplicativos aproveitando melhor o design nativo em cloud (29%);
  • A ideia é aproveitar as opções de ponta para reduzir o armazenamento na nuvem (28%)

Reduzindo custos em Cloud Computing

Investimento inteligente em cloud: Uma gestão adequada da tecnologia, especialmente em um período de crise como o provocado pela pandemia do novo coronavírus – que, inclusive, tem aumentado o número de ataques cibernéticos -, permite a adoção de novas práticas que reduzam o desperdício nos ambientes de cloud. Entre outras possibilidades, a gestão eficaz permite:

  • Definir uma arquitetura coerente com a real necessidade organizacional e considerando, inclusive, custos “escondidos”, como transferência de dados, IOPs, etc;
  • Estabelecer processos de governança para controle do budget e realização de inventário constante de seus ativos – os provedores já possuem o controle de budget nativo;
  • Considerar os diferentes planos de reserva ou saving planing de cada provedor;
  • Estabelecer políticas de ligar e desligar ambientes, automatizando-os;
  • Automatizar a detecção de recursos sem utilização ou sub-utilizados e manter uma rotina periódica de readequação desses componentes.

Com medidas simples e efetivas é possível ter maior controle dos ativos e otimizar os custos, especialmente, em um momento conturbado, onde a saúde financeira pode determinar a continuidade de uma empresa.

Mas para acabar com o desperdício em cloud computing é preciso um planejamento feito por profissionais. Os especialistas da ADTsys podem ajudar sua empresa a passar pela crise utilizando recursos tecnológicos otimizados.

Fale conosco e descubra como!


Conteúdos que você pode gostar também:

Conheça o Data Lake Blockchain as a Service

Assista o vídeo na íntegra para entender a proposta e o funcionamento da Plataforma Data Lake Blockchain! Se tem…

Conheça o Data Lake Blockchain As a Service

A ADTsys em parceria com Von Braun Labs lançou seu novo serviço, o Data Lake Blockchain as a Service.

Data Analytics e BI – transformação digital nas empresas 4.0

Data Analytics e BI têm presença garantida no mercado 4.0, marcado pela corrida das empresas em busca de estratégias e…